3RHsec: Tecnologia, Inovação e Solução em SST e Meio Ambiente

Soluções Integradas para SST em Teleatendimento

A demanda por avaliações que geram laudos consistentes da exposição ao agente, ruído de fones de ouvido, vem aumentando consideravelmente nos últimos anos. Uma das razões se deve as Instruções Normativas e Leis do INSS, que a partir de 1995 aboliu as profissões consideradas especiais, que incluía telefonista a época, havendo necessidade desde então de comprovar o grau de exposição ao agente nocivo para se ter direito ao benefício da aposentadoria especial a partir de 1996; quando as alterações foram regulamentadas. Atualmente dentre as profissões que mais utilizam o fone de ouvido, destacamos as relacionadas com a atividade de teleatendimento que por similaridade teriam o benefício da aposentadoria especial até 1996, sem a necessidade de laudos técnicos da exposição ao agente físico ruído. No mesmo caso, outras profissões que utilizam fones nas suas atividades, também podem ser envolvidas neste contexto, como: pilotos de aeronaves, seguranças, operador de áudio, operador de vídeo, operador de câmera, operador de VT, dentre outros da área de rádio e televisão que utilizam de forma continuada head-sets e/ou fones de ouvido. Os processos e métodos de medição são consagrados há anos e devem seguir a ISO 11904, a NR 15 anexo 1 e 2, a NHO-01 complementados pela NBR 10152, como requerido na NR-17 anexo II.


Os processos de medição são semelhantes as áudio-dosimetrias onde o microfone do áudio-dosímetro é substituído pelo microfone do ouvido da cabeça artificial, padronizado, conforme normas ITU e ISO 11904-2 para este tipo de avaliação. Onde correções e considerações devem ser aplicadas por especialista na área, seguindo os itens da ISO 11904.

 
 
 

Tendência do Monitoramento Contínuo de Ambientes

Seguindo a tendencia das soluções "WELLNESS" integrando a qualidade de vida de forma definitiva nos produtos e serviços, desenvolvemos soluções inovadoras para monitoramento contínuo em ambientes fechados chamadas de SOS dB(A)ir TopAlert..


Assim como o próprio nome remete, são monitorados a qualidade do ar e do ambiente acústico a partir de indicadores e sensores. Então, são monitorados os ruído de forma qualitativa como um alerta para níveis de incômodo em ambientes salas como de teleatendimento, bibliotecas hospitais, salas de reunião sigilosas etc. Neste contexto também são medidas as grandezas: dióxido de carbono CO2, a temperatura e a umidade  cujos índices estão diretamente relacionados a produtividade dos usuários, a conservação de equipamentos e documentos e o conforto no ambiente de trabalho. Além de atender adequadamente as regulações do Ministério do Trabalho e Emprego destacados na Norma Regulamentadora NR-17, anexo II para teleatendimento.


Nossa ideia gerou uma inovação seguindo a tendência dos objetos inteligentes, quando nossa solução 3R dB(A)ir TopAlert  contempla unidades de medição como servidores individuais que armazenam e publicam os dados via wifi, permitindo que sejam acessados e apresentados em tela de televisão digital, computadores, celulares, dentre outros Gadgets. Formando "Display" de alerta já integrados a grande rede e ao marketing digital. Uma solução simples e com grande capilaridade de parceiros junto com a 3R Brasil. 


Veja abaixo:

 
 
 
 

Mais sobre monitoramento contínuo (clique aqui).